Bairro japonês vai reconhecer parceria civil entre gays

O bairro de Shibuya, em Tóquio, anunciou que vai reconhecer uniões homossexuais por meio de certificados de “parceria civil”.
O prefeito de Shibuya,Toshitake Kuwahara, disse que decidiu emitir o certificado “como parte de nossos esforços para criar uma sociedade que respeite as pessoas consideradas como uma minoria sexual”.
No Japão, o casamento gay é proibido em sua Constituição. Com essa atitude simbólica, o prefeito quer incentivar empresas a reconhecerem a união civil gay. O bairro é um dos centros de negócios mais importantes do país e reúne muitas multinacionais. Ele tem cerca de 217 mil moradores, 10 mil deles são estrangeiros.
A capital japonesa tem uma área delimitada por 23 “bairros especiais”, dentre eles, Shibuya. A autoridade de cada um deles é quase como de uma cidade, por isso, cada um tem seu próprio prefeito.

0 comentários:

Postar um comentário

-->