Devaneios Vol. I - 50 graus de paixão

Oh! Senhor, onde andas a outra face de minha alma.

Chequei ao ponto máximo
Meu corpo, meu coração.
Arde em chamas
Labaredas, que fazem meu desejo crescer, aumentar, queimar.

http://photos.uol.com.br/wp-content/uploads/2013/04/3o-Lugar-NAC-PB-Milton-Pinho-Majella-Lagoa-Lejia-Deserto-de-Atacama-Chile.jpgA 50 graus de febre
Já deliro, sonho sonhos.
Nas margens da lagoa azul
No deserto
A deriva
A beira mar

Quando acordo
Meu coração ainda dorme, sonhando, delirando
Aguardando o amor que por toda noite espero

http://4.bp.blogspot.com/_l0k4g_m5ZXM/S_VL5MUIwgI/AAAAAAAAB5g/NERtgybc_K8/s400/labirinto.jpgAjude-me a sai deste labirinto
Onde vive a mais fria solidão

Ajude-me a encontrar a saída
A luz do fogo da paixão
Libertara-me

O calor do desejo se tornará em amor
E com abraços, agradecerá meu corpo.

Meu coração finalmente acordará
Em um amanhã ensolarado
A beira mar.





Texto de Gaburieru Phantomhive.

0 comentários:

Postar um comentário

-->