Devaneios Vol. I - Pelas ruas de Paris

Às 9 horas da noite
Estou só, em uma mesa de bar.
E quando perdia as esperanças
A felicidade veio ao meu encontro
Um príncipe, vestido de garçom.

Ele pergunta o que eu desejo
E sem vergonha, como sou, disse a ele:

- Quero um pouco de amor
- Sente-se comigo, quero está bem servido.
- Você é o prato principal
Que mais gostoso seria caseiro

Sua beleza embriagou-me
Mais que sete garrafas de Vodca

No inicio se mostrou tímido
Mas depois de unhas taças
Até o demônio fala a verdade.

Imagine anjo
Papo de anjo
Sonho de valsa
Que há no cardápio do amor?

Quando o sonho ia terminar
Quando da mesa estávamos a nos levantar
Alguém, outro anjo com asas.
Deu um empurrãozinho, literalmente.
Ele veio aos meus braços

Olhos nos olhos
Coração com coração
Dois corpos que se união
Pelo amor parisiense
Com um beijo, em uma noite em Paris.

Encontrei a felicidade
O amor
Em um cardápio de um bar
O amor
Prato principal do coração
Da alma.

Texto de Gaburieru Phantomhive.

0 comentários:

Postar um comentário

-->