Dilma Rousseff veta anúncio gay do Ministério da Saúde

Uma homofóbica de carteirinha é a presidente do Brasil! A propaganda de tevê destinada a gays realizada dentro da campanha de carnaval do Ministério da Saúde foi vetada pela Presidência da República.
A intervenção acontece seis dias depois de a campanha ter sido divulgada pelo órgão. A exibição da propaganda voltada a homossexuais jovens, foco principal da ação, só ocorrerá se a cena de carícia entre os dois atores do comercial for retirada. As determinações vieram da Presidência da República e cumprem orientação da presidente Dilma Vana Rousseff.

De acordo com a Agência O Globo, o vídeo estava em exibição no site do Ministério da Saúde, mas já foi retirado. Na peça publicitária, dois rapazes são apresentados numa boate, trocam carícias e uma fada aparece com um preservativo.
Então vejam o currículo da nobre presidente: veto ao kit contra a homofobia, veto à propaganda gay! O que fazer quando temos uma inimiga na Presidência da República?
Veja abaixo o comercial antes do corte!

0 comentários:

Postar um comentário

-->