Igreja Presbiteriana ordena bispo gay pela primeira vez

A Igreja Presbiteriana ordena, neste sábado, 08, pela primeira vez um bispo assumidamente gay. Ele é Scott Anderson, de 56 anos, que havia abdicado ao seu posto em 1990.
Na época, Anderson se recusou a ajudar a arrecadar fundos para uma causa pela qual um casal lutava. Os dois, por vingança, investigaram a vida do padre, e descobriram que ele era gay, o que causou seu afastamento.
Após anos de discussão, a constituição da igreja foi mudada em maio, passando a permitir que gays e lésbicas possam servir como ministros e líderes.
A Igreja Presbiteriana foi a quarta a fazer a inclusão dos homossexuais. Antes dela, as igrejas Episcopal e Evangélica Luterana e a Igreja Unida em Cristo já permitiam a ordenação destes.

0 comentários:

Postar um comentário

-->