Gêmeos #Winklevoss voltam a acionar Justiça contra #Facebook

Irmãos tinham desistido de apelar de decisão da Suprema Corte.
Eles alegam que Zuckerberg roubou ideia para criar rede social.


Os irmãos Winklevoss, em foto de outubro de 2010, devem aceitar indenização de US$ 65 milhões (Foto: Adam Hunger/Reuters) 
Irmãos aceitaram indenização de
US$ 65 milhões, mas depois voltaram
atrás (Foto: Adam Hunger/Reuters)
Os gêmeos Cameron e Tyler Winklevoss estão novamente acionando a Justiça contra o Facebook, um dia após terem decidido não apelar de uma decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos, que manteve em US$ 65 milhões um acordo entre eles e a empresa.

Em um documento entregue na quinta-feira (23) à corte distrital de Massachusetts, nos EUA, os gêmeos e seu sócio, Divya Narendra, disseram que apelariam ao tribunal para tentar descobrir se o Facebook “intencionalmente ou inadvertidamente suprimiu evidências” durante os procedimentos do acordo.

Os três alegam há anos que o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, roubou a ideia deles de montar um site universitário de relacionamentos, que mais tarde veio a se tornar a rede social mais popular do mundo.

O acordo original pretendia resolver a disputa entre e Zuckerberg e os Winklevosses, que foi base do filme “A Rede Social”, de 2010. No entanto, após concordarem com o acordo por ações e dinheiro, os Winklevosses quiseram desfazê-lo. Eles alegaram que o acordo foi finalizado de maneira fraudulenta pois o Facebook ocultou informações. Então, eles mereciam mais dinheiro.

Tyler Meade, advogado dos Winklevoss e de Narendra, recusou fazer comentários. Em um comunicado, o advogado do Facebook Neel Chatterjee se limitou a dizer que “estas são velhas e infundadas alegações que já foram consideradas e rejeitadas anteriormente pelas cortes”.

http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2011/06/gemeos-winklevoss-acionam-novamente-a-justica-contra-o-facebook.html

 

0 comentários:

Postar um comentário

-->